Fernando Escrich é o novo diretor artístico da Operação Nariz Vermelho

A Operação Nariz Vermelho (ONV) tem um novo diretor artístico, Fernando Escrich. Com vários prémios no currículo e larga experiência enquanto ator e palhaço, o artista esteve ligado durante duas décadas à “Doutores da Alegria”, uma das primeiras e mais prestigiadas associações no mundo de palhaços de hospital, abraçando agora o projeto ONV, no qual irá liderar o programa de intervenção nos hospitais e também produções artísticas da organização. Diretor-geral e musical, Escrich assume como objetivo principal potenciar ainda mais a qualidade artística da ONV, fomentando o espírito de missão da instituição, como da própria sociedade.
Nascido no Brasil, em São Paulo, Escrich foi membro integrante do programa “Doutores da Alegria”, uma referência mundial neste tipo de intervenção, ao longo de vinte anos (1994 a 2014), onde atuou como palhaço nos hospitais. Desempenhou também os cargos de coordenador artístico e de expansão da instituição, sendo inclusive responsável pela abertura e formação dos artistas das unidades do Rio de Janeiro, Recife e Belo Horizonte. Foi diretor artístico em São Paulo, onde coordenou o programa nos hospitais e também as produções artísticas da organização. No Rio Janeiro, em Recife e em Belo Horizonte, cidades onde residiu, esteve também envolvido com classes artísticas locais.
Para o novo diretor artístico da ONV, “é uma honra assumir a direção artística da desta instituição que, ao longo dos últimos 15 anos, tem tido um papel fundamental na sociedade portuguesa. Com intervenção de Doutores Palhaços nas pediatrias dos hospitais, tem sido levado o símbolo da missão: o Nariz Vermelho, e provocados os mais valiosos sorrisos às crianças e seus familiares. É neste sentido que queremos elevar ainda mais a qualidade artística destes profissionais, que têm formação especializada no meio hospitalar e que realizam atuações adaptadas a cada criança e a cada situação. É meu objetivo continuar assegurar as competências necessárias a cada Doutor Palhaço em áreas de formação como artística/humorística, corporal, musical, médica/psicológica e relacional”, sublinha Fernando Escrich.

Artigos Relacionados: