Empresas portuguesas estão acima da média global na transformação digital

A OutSystems, empresa especializada em software low-code para desenvolvimento rápido de aplicações, acaba de publicar a sexta edição do relatório anual sobre o estado do desenvolvimento de aplicações e os desafios enfrentados pelas equipas de TI. Neste relatório, as empresas portuguesas voltam a destacar o papel do low-code no processo de desenvolvimento e entrega de aplicações como um dos fatores mais importantes para a transformação digital.

O relatório The State of Application Development 2019 teve como base inquéritos efetuados a 3300 profissionais de TI de empresas de todas as dimensões, em todos os tipos de indústria e a nível mundial. Este número inclui 253 respostas de profissionais de TI de empresas portuguesas, ou a operar em Portugal.

As conclusões deste estudo indicam que as empresas portuguesas e europeias mostram um nível de maturidade da transformação digital acima da média global. De facto, 51% das organizações em Portugal revelaram que, no ano passado, aumentaram as suas equipas de desenvolvimento de software, num aumento 15% superior à média mundial.

“O nosso relatório de 2019 mostra que muitos departamentos de TI enfrentam uma infinidade de forças disruptivas quando se trata de transformação digital e desenvolvimento de aplicações”, afirmou Steve Rotter, CMO da OutSystems. “A ameaça da disrupção digital e a necessidade de uma transformação digital têm sido fatores determinantes nas estratégias de TI há anos. Se juntarmos isto à incerteza que caracteriza o panorama económico global, torna-se óbvio porque é que os líderes empresariais estão tão preocupados com o fator da agilidade”, conclui o responsável.

Saiba mais AQUI.

Artigos Relacionados: