“BfK Awards” distingue ferramenta de gestão de energia para redes de água

SCUBIC é o nome do projeto vencedor da distinção BfK Awards entregue no âmbito do “Startup Challenge”, da Rock in Rio Innovation Week @ LACS. O SCUBIC utiliza a Inteligência Artificial e algoritmos de otimização de última geração para alcançar maiores poupanças de energia e tentar resolver o problema que é o acesso às águas de uma forma sustentável e a preços mais reduzidos.

Resultado de cinco anos de Investigação e Desenvolvimento na Universidade de Aveiro, a equipa vencedora concluiu que se gasta muita energia a transportar a água desde os diferentes reservatórios ate às nossas casas e que essa pressão de bombeamento de água pode ser otimizada, reduzindo a energia necessária total. Assim, esta ferramenta de gestão de energia para redes de água assume-se não só como importante para a economia das empresas, mas também para a sustentabilidade de todo o setor das águas, fundamental para a população em geral.

Bruno Abreu, estudante de doutoramento e porta-voz da equipa que desenvolveu o SCUBIC, explica que foi necessário “reunir o I&D junto da Universidade de Aveiro para conseguir resolver os diferentes problemas encontrados e decidir transferir esse conhecimento para um produto real e lançá-lo no mercado”. Identificaram o problema, estudaram as redes e perceberam que as operações de bombardeamento de água são assentes na experiência de vários anos e não em lógicas matemáticas, físicas ou mecânicas.

O projeto escolhido para receber a distinção BfK Awards e os correspondentes cinco mil euros de prémio assumiu-se como a startup que mostrou maior capacidade de gerar impacto social, bem como a que mais se destacou em matéria de inovação de base científica e tecnológica colaborativa, tendo também recebido o 1.º prémio do “Startup Challenge”.

Katiuska Cruz, coordenadora do programa Born From Knowledge (BfK), sublinha que “é de extrema importância que o conhecimento nascido na Academia seja aplicado na resolução de problemas reais. Assim, um projeto como o SCUBIC, que resulta da investigação de Recursos Humanos altamente qualificados para a utilização mais sustentável de um bem tão escasso como é a água, não podia deixar de receber o nosso reconhecimento”.

Artigos Relacionados: